O Google é uma das empresas mais conceituadas do mundo todo, e na internet é, sem dúvidas, a mais importante delas, ele traz uma ferramenta chamada AdWords ou Links Patrocinados que iremos estudar detalhadamente aqui!

Não há quem tenha acessado a Internet sem antes dar uma passada no maior buscador do planeta, aquele que parece conter todas as respostas.

Mas para quem possui seu próprio negócio ou está a frente da gestão de uma empresa, o Google pode representar muito mais do que isso.

Isso porque ele possui uma infinidade de ferramentas que ajudam a trazer mais resultados e a conquistar mais clientes e lucratividade. Nosso foco aqui é o AdWords, também chamado de Google Ads.

Você já ouviu falar no assunto?

Nós das Franquias de Marketing Digital sabemos o quanto a ferramenta é conhecida, mas também temos consciência que não é todo mundo que tem tempo para aprender a fundo sobre o tema, buscando informações em diferentes canais.

A internet está lotada de artigos, cursos, vídeos e textos que indicam técnicas e formas de conseguir o máximo de resultado no Google Ads. Mas nem sempre este tipo de material foi desenvolvido por especialistas ou foi feito da maneira fácil de se encontrar.

Por isso, resolvemos ajudar você. Juntamente com o projeto de ajudar você a conquistar resultados cada vez melhores para seu negócio, preparamos um material exclusivo voltado para responder todas as suas questões a respeito do Google AdWords.

A seguir, aprenda detalhadamente e de uma vez por todas, como utilizar links patrocinados em favor da sua empresa, incrementando resultados, aumentando o tráfego e conseguindo muito mais lucratividade.

Aproveite o texto a seguir e coloque todas as dicas em prática o mais breve possível.

Boa leitura!



CONTINUAR LENDO

AdWords: É possível colocar seu negócio na primeira página do Google

Antes de partir para a ação e começar a contar para você, como colocar seu negócio na primeira página do Google, vamos explicar como tudo funciona por lá.

Se você é um usuário frequente da internet, já deve ter percebido como o Google funciona. Você digita o que deseja encontrar na barra de buscas, clica em pesquisar e em alguns milésimos de segundos, recebe em sua frente uma infinidade de resultados referente ao assunto que procurou.

Também deve ter percebido que os resultados de sua busca seguem sempre o mesmo formato. As primeiras informações que você vê, geralmente são anúncios. Eles ficam separados do restante do resultado e podem vir acompanhados de fotos ou não.

Ainda há resultados de buscas que trazem listas, com endereços, mapas e até números de telefone bastante visíveis, com a possibilidade de fazer o contato por ali mesmo. Principalmente para quem utiliza o buscador nos aplicativos móveis.

De forma geral, esta é a forma como o Google apresenta os resultados para todos os tipos de pessoas, em todas as partes do mundo.

É importante salientar, que apesar de não ter mudado muito no decorrer do tempo, esta forma de apresentar resultados já foi diferente. Há pouco tempo, o Google AdWords fez uma alteração importante na forma como os anúncios são publicados.

Na época isso causou alguma preocupação nos anunciantes, que achavam que a quantidade de anúncios ficaria muito menor, prejudicando o resultado. Mas na prática, não foi bem assim.

E além do mais, não há muito o que fazer a não ser aceitar as alterações e trabalhar para se adaptar às novidades, não é mesmo?

Mas afinal, qual foi esta alteração?

Antigamente, os anúncios ficavam localizados antes das buscas e também na lateral da página. Você lembra disso?

A quantidade de anúncios apresentados ao usuário era, portanto, bem maior. Ao mesmo tempo, era mais fácil também para o usuário perceber quais eram anúncios e quais não eram, e muitos evitavam clicar neles.

Segundo a própria empresa, este tipo de alteração foi feita porque os usuários já não se sentiam impactados pelos anúncios, principalmente os que estavam localizadas na lateral da página. Ou seja, o Google também desejava garantir melhores resultados para seus anunciantes.

Esta conclusão foi tirada a partir de longas pesquisas, nas quais se analisava o olhar dos pesquisados e o comportamento com relação aos anúncios na hora de navegar no site.

O Google também estava percebendo uma diminuição acentuada na quantidade de cliques que os anúncios estavam recebendo e muitos anunciantes antigos e frequentes já haviam percebido este problema.

Enfim, depois de tantas análises, o Google chegou a conclusão que a forma como vemos hoje, é a mais indicada. Tanto para usuários quanto para anunciantes. Não sabemos se vai se manter assim para sempre, mas provavelmente a forma de apresentação dos resultados irá se manter igual por alguns anos.

Mas enfim, quais são as formas que as empresas utilizam para aparecer no Google? Veja a seguir.

3 formas para seu negócio aparecer no Google:

Basicamente, há três formas de conseguir que seu negócio apareça no Google:

1. Links Patrocinados
2. Orgânico
3. Offline

Links Patrocinados

O patrocinado, é através dos anúncios publicados pela ferramenta do AdWords. Por isso, o AdWords também é chamado de Links Patrocinados. Mais além você vai aprender tudo que precisa para se tornar um expert nesta tão importante ferramenta.

O que acha de de ver este vídeo que o Google dá dicas para criar anúncios de texto no AdWords:

O orgânico, é através dos resultados de busca, e aparecer ali não é uma tarefa muito fácil. É preciso construir um site totalmente otimizado, utilizando técnicas de SEO em todas as páginas e conteúdos publicados.

Até a linguagem de programação utilizada no site, o domínio escolhido e as funcionalidades que apresenta em seu website podem interferir na posição orgânica no Google. O próprio AdWords pode ajudar a melhorar a posição, como veremos a seguir.

E por último, offline. Como assim? Ora, mesmo que tenha um negócio totalmente fora da internet, pode acabar aparecendo no Google, devido ao Google Maps e a quantidade de buscas dos consumidores.
Negócios bem estruturados e conhecidos no mundo real podem aparecer sem que ninguém o coloque lá.

Também podem aparecer devido à campanhas realizadas offline, eventos e ações promocionais ou até através do comentário e da avaliação de seus próprios consumidores.

Aliás, é por isso que se costuma dizer que se uma empresa ou negócio não optar por entrar na internet por conta própria, vai acabar estando lá de qualquer jeito, mas de uma forma que talvez não seja muito positiva para incrementar as vendas.

Agora que você já compreende um pouco sobre todas as formas de aparecer na internet e no Google, que tal fazer uma pesquisa sobre você?
Pesquise o nome de sua empresa e de uma olhada em como os resultados se apresentam.

Aproveite e faça um teste ainda mais complexo e busque pelos produtos ou serviços que você oferece para seus clientes.
Será que seu negócio está disponível e aparece para quem procura o que você vende?

Chegou a hora de conquistar resultados ainda melhores. Vamos lá!

Mas antes, você sabia que além do Google AdWords, há outras formas de anunciar no maior buscador do mundo? A seguir, aprenda tudo sobre o assunto.

Diferenças entre AdWords, Google ADS, AdWords Express, Google AdSense

Você começa a pesquisar sobre formas de anunciar na internet e surgem os termos Google AdWords, Google Ads, AdWords Express e Google AdSense.
Afinal, qual é a diferença entre todas elas?

AdWord

O AdWord é a forma de anunciar diretamente nos resultados das buscas e nos sites parceiros, como veremos mais adiante.
Google Ads nada mais é do que o apelido dado ao AdWord e portanto, trata-se da mesma coisa.
Muitas vezes você poderá ouvir apenas AdWord, que é a mesma coisa que o Google AdWords.

AdWords Express

Mas o Google Express é um pouco diferente.
Ele é uma ferramenta que ajuda empresas a gerenciar melhor seus anúncios na internet.
Isso porque anunciar com o Google AdWords é bastante complexo e cheio de particularidades.

Então nos últimos anos, o Google desenvolveu esta forma de garantir mais agilidade para os anunciantes.
Basta escrever o anúncio, determinar a verba e indicar quais os produtos ou serviços a empresa oferece ao mercado.

Depois, o próprio sistema oferece opções de frases e palavras-chave e passa a fazer a manutenção destes anúncios durante o período indicado ou até que o orçamento acabe.
Ele é super indicado para micro empresas ou negócios que ainda não estão acostumados a lidar com a internet.

Aliás, o AdWords Express foi desenvolvido para anunciar as empresas localmente, sem que exista a necessidade de terem um site ou um trabalho online mais qualificado.
Ele funciona muito bem para estabelecimentos de rua, já que os usuários conseguirão visualizar o anúncio quando estiverem utilizando seus notebooks, tablets ou celulares para encontrar algo em especial.
Então é super importante sua empresa ter um endereço físico.

Google AdSense

O Google Adsense é um programa voltado para donos de sites, blogs ou qualquer outro tipo de página.
Ao se inscrever, você passa a receber anúncios diferentes na página, de outros tipos de negócio e portanto, pode cobrar por este tipo de exposição.

Ou seja, nada mais é do que alugar um espaço do seu site para que o Google possa inserir anúncios de quem utiliza o Google AdWords, por exemplo.
Pode ser uma opção para quem tem sites de conteúdo, mas um pouco arriscado para quem possui uma loja virtual, por exemplo.

Agora, vamos começar abordar mais detalhadamente, tudo que você precisa saber sobre o Google AdWords, uma das formas mais eficazes e vantajosas de se anunciar na internet.

AdWords o que é?

O Google AdWords ou links patrocinados é a ferramenta que possibilita empresas, negócios e lojistas de todas as áreas, publiquem seus anúncios e ofereçam seus produtos através do maior site de buscas do mundo.

Além de aparecer no resultado das buscas, os links patrocinados também oferecem a possibilidade de publicar anúncios nos sites parceiros, que são todos aqueles que fazem parte do programa do Google AdSense, como informamos anteriormente.

Ou seja, os links patrocinados permitem uma maior exposição do seu site, aumentando consideravelmente o alcance e conquistando um maior tráfego para o site.

AdWord como funciona?

A base do AdWord são as palavras-chave. Isto é, o anunciante escreve o seu anúncio e decide quais palavras-chave deseja vincular à sua campanha, depois aparecerá assim:

busca-adwords

Depois de decidir sobre todos os detalhes dos anúncios e da campanha, o anunciante poderá acompanhar o andamento em tempo real.
Basta acessar o site do AdWord e fazer o login.

Os anúncios do AdWord são cobrados por clique e por isso, é muito comum ler e ouvir falar em CPP quando se trata de links patrocinados.
CPP é a sigla para Custo Por Clique.

Isso também significa que você não paga por visualização, ou impressão. Isto é, seu anúncio pode aparecer infinitas vezes para diversos usuários sem que você gaste nada. Só irá pagar quando alguém resolver clicar em seu anúncio.

A seguir, você irá conhecer o passo a passo da criação de uma campanha e aprender mais detalhadamente como tudo funciona.

AdWord Primeiros passos

O primeiro passo para começar a anunciar sua empresa ou produto no AdWord é criar um perfil na ferramenta.

Se você já possui um e-mail ou contas em outros produtos Google, poderá utilizar o mesmo endereço de e-mail e login. Caso contrário, poderá criar um perfil único, sem problemas com qualquer outro servidor de e-mail válido.

Assim que efetuar o login, será levado para um painel. Depois que criar suas campanhas e anúncios, é aí que poderá ter um panorama geral do andamento de seu investimento.

Para começar a criar seus anúncios, clique na aba Campanhas, e aperte o botão + Campanhas. Serão mostradas algumas opções, logo de cara, solicitando que escolha onde quer que seus anúncios sejam veiculados. Atenção para os termos:

  • Rede de Pesquisa, que se refere aos resultados de busca dos usuários;
  • Display, que se refere aos sites parceiros do Google, que fazem parte do Google AdSense
  • Google Shopping, que diz respeito à ferramenta Google para venda de produtos
  • Vídeo, que diz respeito tanto aos conteúdos veiculados no YouTube como em qualquer outro site
  • Campanha universal para Apps, que na verdade são indicadas somente para instalação de aplicativos

Estas configurações são muito interessantes e possibilitam desde já, que você vá segmentando o público que vai poder visualizar os seus anúncios.

Mas para quem ainda está começando a trabalhar com a ferramenta, indica-se sempre optar pela opção que garante a exibição dos anúncios na busca e na rede de display.

Ao clicar nesta opção, você será levado para um painel, onde deverá preencher as informações de nome de campanha, se deseja que sejam exibidos em dispositivos móveis (celulares, tablets e afins), em que locais e também definições de orçamento.

Você poderá escolher ainda se deseja que seus anúncios sejam publicados sempre no padrão do AdWord ou utilizando todos os recursos e se adaptando a cada um dos lugares onde aparece. Este tipo de escolha é mais indicado para usuários mais experientes na ferramenta. Para começar, opte pela opção padrão.

As escolhas geográficas, precisam de uma atenção em especial. Se você possui um negócio físico, presente somente em uma cidade, opte por segmentar seus anúncios para que apareçam somente nesta região.

Porém se tem uma loja virtual e pretende expandir seu mercado, deixe somente restrito à usuários do Brasil e tenha seu anúncio publicado em buscas realizadas em todo o país.

Ao optar por língua, você também restringe de uma forma positiva. Se sua loja vender para clientes internacionais, selecione os países e as línguas listadas.

Vejamos um vídeo que o Google explica detalhes de segmentação por Local:

Não cuidar destes detalhes pode fazer você ter que gastar muito mais dinheiro do que gostaria sem conquistar resultados, afinal, poderá receber cliques de consumidores que não conseguirão comprar os seus produtos. Fique atento!

AdWord Tem Custos?

Conforme já dissemos anteriormente, o custo de um anúncio no AdWord está diretamente ligado com a quantidade de cliques recebidos e o valor da palavra-chave.

Você não paga nada por impressão de anúncio. Mas afinal, quanto custa?

Diferentemente de anúncios veiculados na mídia tradicional, não há um preço fixo para os links patrocinados. Isso acontece porque o valor de cada palavra-chave muda de acordo com sua popularidade.

E a popularidade, pode mudar de um dia para outro, de uma semana para outra e até de uma hora para outra. Portanto, a mesma palavra-chave pode ter diferentes custos com o passar do tempo.
É claro que nada que seja muito absurdo.

O valor das palavras-chave, varia em média de R$ 0.01 a R$ 2,00, mas isso pode mudar dependendo do negócio que você tem.
Para saber o custo das palavras relacionadas aos seus produtos e serviços, você pode fazer uma pesquisa antes, na própria ferramenta de busca de palavras do Google Ads: https://adwords.google.com/home/tools/keyword-planner/

O planejador também ajuda a escolher quais são mais indicadas para seu anúncio, sugerindo similaridades e termos. Você também pode pesquisar o preço por frases inteiras e expressões, aumentando as chances de seu anúncio ser visto.

Mas afinal, quanto custa anunciar no AdWord?

Não há uma resposta certa para isso. Tudo vai depender do seu ramo de atuação e do valor das palavras que definir para seus anúncios. Mas você pode conseguir excelentes resultados, investindo somente R$ 10,00 por dia.
Quanto mais aprender sobre o seu próprio negócio e sobre como funciona a ferramenta, mais proveito pode tirar e mais vantagens pode conseguir.

É importante lembrar que atualmente, o AdWord é a ferramenta mais vantajosa de publicidade, pois garante excelentes resultados, em um tempo recorde e gastando muito pouco se comparado com outras mídias tradicionais, como por exemplo os jornais, rádios, outdoors e TV.

Com isso, qualquer negócio, independentemente do seu tamanho ou faturamento, tem a chance de aumentar sua visibilidade, seu tráfego no site e claro, suas vendas, com anúncios veiculados no maior buscador do mundo.

AdWords Vantagens

Há muitas vantagens em se anunciar no AdWords. A primeira delas, é referente à própria visibilidade do negócio. Isto é,ao investir nos links patrocinados, a empresa ganha a possibilidade de ter seu site visualizado por um grande número de pessoas.

Além disso, a forma como os links patrocinados são construídos, garante assertividade.
Ou seja, os anúncios irão aparecer somente para um público selecionado pelo próprio gestor, na hora que o público estiver buscando por aquela solução, aumentando a probabilidade de uma simples visita, se tornar uma compra realmente efetivada.

Investir no AdWord, portanto, aumenta a visibilidade, a quantidade de vendas realizadas e aumenta o alcance.
A ferramenta impulsiona a lucratividade dos negócios gastando pouco, já que o custo é muito menor se comparado com os meios tradicionais de publicidade.

Por último, anunciar no AdWord ainda traz vantagens para a encontrabilidade natural, já que melhora o ranqueamento orgânico do site dentro dos resultados de busca.

Agende aqui uma consultoria gratuita com um de nossos franqueados e saiba mais como juntos podemos criar ótimas campanhas do AdWords.

Agora que você já conhece o panorama geral da ferramenta, chegou a hora de colocar a mão na massa.
A seguir, você irá ter acesso a um passo a passo simplificado para dar início aos seus anúncios no AdWords.

Assim, vai poder colocar o conhecimento em prática o mais breve possível, aprendendo na prática como criar e gerenciar campanhas eficazes.

Links Patrocinados: Passo a passo de como criar e gerenciar uma campanha

Você já sabe como criar um login e acessar o painel do AdWord. Agora vai aprender como lidar com cada uma das escolhas possíveis, com dicas valiosas.

Escolha seu tipo de campanha no AdWords

Anteriormente, já explicamos rapidamente que assim que você começar a criar sua campanha, vai precisar definir onde deseja que seus anúncios sejam veiculados. Se na rede de pesquisa, na rede de display ou outras.

Depois é só criar seus anúncios, escolhas as palavras-chave e antes de publicar, visualize a simulação de como tudo vai ficar na página. Esta visualização acontece automaticamente, quando for preenchendo os anúncios.

Vejamos um vídeo que o Google explica os tipos de campanhas:

 

Veja quais são as características de cada uma delas e quais as vantagens de optar por uma outra opção.

Use o tipo de campanha na Rede de Pesquisa com exibição em Display

Ao optar por esta opção, você garante que seus anúncios serão exibidos nas páginas de resultado de busca e nos sites parceiros do Google. Sempre, é claro que houver conteúdo referente às palavras-chave e termos escolhidos.

É muito vantajoso optar por esta opção, principalmente se você ainda não possui muita familiaridade com a ferramenta. Esta é a forma mais segura de conseguir um bom alcance de cobertura.

É importante salientar que pode ser que seu anúncio não apareça sempre, pois há outros anunciantes oferecendo valores mais altos para as palavras-chave. A seguir você irá compreender melhor como isso funciona.

Use o tipo de campanha Apenas na Rede de Pesquisa

Ao optar por publicar seus anúncios somente da rede de pesquisa, você está indicando que não deseja que sejam publicados em sites parceiros Google.

Este tipo de ação é muito vantajosa para campanhas que possuam baixa verba e não podem correr o risco de perder dinheiro com cliques pouco segmentados. Ou seja, assim, você garante que sua verba dure um tempo um pouco maior, mas restringe o campo de cobertura.

Use o tipo de campanha Apenas na Rede de Display

A rede de display, isto é, os anúncios em sites parceiros, podem ser excelentes formas de alcançar mercados de nicho. Isso porque você pode definir mais especificamente em que tipo de sites deseja que seus anúncios sejam publicados.

Você também pode fazer testes e verificar como a rede de display funciona para você. Mas de forma geral, este tipo de funcionalidade é mais indicado para negócios muito específicos e pessoas que possuem um grande conhecimento no AdWords.

Selecione as regiões em que você deseja exibir seus anúncios

Links Patrocinados permitem que você decida em que regiões geográficas deseja que seu anúncio seja publicado. Ou seja, pode escolher estados e até cidades.

É importante lembrar que este tipo de coisa é feito pelo número de IP do computador. E isso infelizmente nem sempre funciona perfeitamente no Brasil. O acerto é grande, mais ainda não é 100%.

De qualquer forma, este tipo de funcionalidade é indicado para negócios locais, especialmente físicos e que podem oferecer seus produtos e serviços somente em lugares específicos. Para lojas virtuais, que tem a capacidade de atender a todo um país, este tipo de uso não é muito indicado.

Defina seu lance

O lance deve ser pensado com muito cuidado e sempre de acordo com o seu planejamento. O primeiro passo é saber o orçamento diário.

Para isso, primeiro, decida quanto tempo deseja que sua campanha veicule e quanto deseja investir no total.
Depois é só fazer as contas e inserir na ferramenta quanto pretende gastar por dia.

Este orçamento diário pode variar um pouco, ele não é tão certeiro. Mas ajuda a manter as coisas nos trilhos e não gastar todo o orçamento em um dia só.

E decida o lance padrão.
Este valor só vai se aplicar se você não especificar os lances para cada um dos anúncios.
Ele se refere ao valor máximo que está disposto a pagar por cada um dos cliques. De forma geral, os anunciantes costumam colocar valores de no máximo R$ 0,50, mas avalie seu negócio.
Testar e mensurar é a melhor dica quando se trata de investimentos.

Use os lances para maximizar cliques

Você pode optar por maximizar os cliques, utilizando a ferramenta de otimização do próprio AdWords.
Com isso, garante que, independente da verba, vai alcançar o máximo e cliques e em impressões.

O resultado pode ser positivo, mas este tipo de estratégia deve ser utilizada por anunciantes que possuem bastante verba para investir, ou poderão perder todo o valor investido em apenas algumas horas.

Use o lance manual

É sempre melhor optar pelo lance manual. Assim, você define o valor que deseja pagar por cada clique de acordo com o valor das palavras-chave voltadas para o seu negócio e a verba que tem disponível.

Mas este tipo de estratégia demanda um gerenciamento mais próximo.
Isto é, para garantir o máximo em resultados, você vai precisar dar uma olhada diária em seus anúncios, certificando-se que o valor de lance está de acordo com o momento do mercado.

Defina seu orçamento

No Google AdWords você escolhe tudo.
O quanto deseja gastar no total da campanha, por lance e por dia.
O valor da campanha é que vai definir na verdade por quanto tempo seus anúncios irão veicular.

Se sua verba for grande, poderá dividir a verba por vários dias e conseguir resultados controlados por mais tempo.
Se for pequena, terá que encontrar formas de otimizar os resultados.
E com o passar do tempo, vai ser mais fácil definir o quanto vale a pena investir e como determinar os lances de acordo com o seu segmento de negócio.

Organize sua conta com grupos de anúncios

Além de separar em campanhas, junte grupos de anúncios que façam sentido entre si.
Você pode fazer isso por categoria de produto por exemplo, ou como achar que é mais importante para seu tipo de negócio.

Vejamos um vídeo que o Google explica alguns detalhes de Grupos de Anúncios:

Quero que as pessoas visitem páginas específicas do meu site

Você é quem define os links que desejam ser publicados nos anúncios. Portanto, ao invés de colocar a página inicial, coloque sempre aquelas que desejam que sejam visitadas.

Quero exibir mais informações sobre minha empresa

O Google oferece a possibilidade de fazer anúncios estendidos, nos quais é possível apresentar mais informações do negócio, como horário de atendimento, endereço e telefone pro exemplo.
Para isso, selecione a opção anúncios estendidos e não deixe de incluir e atualizar as informações no My Business.
Link: https://www.google.com/business/?ppsrc=GPDA2

Identifique os termos de pesquisa que não deverão acionar anúncios

Além da escolha dos termos e palavras-chave, lembre-se também de definir as negativas.
Isto é, aquelas que podem parecer que tem a ver com seu negócio, mas na verdade não são de seu interesse.

Para isso, na hora que estiver criando seu anúncio, na mesma aba de palavras-chave, clique em palavras negativas. Inclua quantas desejar e conquiste melhores resultados.

Vamos ver mais um vídeo que o Google explica alguns detalhes palavras negativas:

Como é feita a cobrança

Você pode definir como deseja que a cobrança seja feita. O pagamento pode ser via cartão de crédito ou até boleto bancário. Mas atenção!
O pagamento deve ser realizado antes de publicar seus anúncios e a ferramenta só vai utilizando a verba conforme sua indicação.
Bastante informação? Não se preocupe podemos ajudar você e criar uma campanha no Google AdWords, fale conosco.

Gerenciamento das Campanhas no AdWord

Tão importante quanto a criação dos anúncios, a escolha certa da palavras-chave e a definição da verba é o gerenciamento das campanhas.
O ideal é que isso seja feito diariamente, aferindo se a verba está de acordo com o valor praticado pelo mercado, se os anúncios estão conseguindo um bom índice de impressões e claro, se estão conquistando bons cliques.

Lembre-se também que para um bom gerenciamento das campanhas, é preciso ficar de olho nos dados do Google Analytcs.

Há ainda outras formas de acompanhar a eficácia dos anúncios, como por exemplo aqueles que tem extensões de chamadas.
Neste caso, basta utilizar uma ferramenta gratuita, chamada de acompanhamento de conversões telefônicas.

google analytics

A seguir, veja quais métricas devem ser acompanhadas diariamente:

Métricas do AdWords Acompanhamento de Conversões

  1. Cliques – quantos usuários clicam no seu anuncio
  2. Impressões – quantas vezes seu anuncio foi exibido
  3. Índice de qualidade
  4. CPC Médio – o que você está realmente pagando em média por clique
  5. CTR (%) – Taxa de Cliques – de todas as vezes que seu anuncio foi exibido quantas vezes ele foi clicado (Por exemplo: 100 pessoas viram e 1 clicou o CTR é 1%, 100 pessoas viram e 10 clicaram o CTR é 10%)
  6. Posição Média – É a média do posicionamento em que seu anúncio foi exibido, se tiver 1 é que na média ele sempre apareceu em 1° lugar, se tiver 2,5 foi aparecido entre o 2° e 3° lugar.
  7. Parcela de impressões – qual a cobertura da campanha, ou seja, de x buscas possíveis quantas buscas eu realmente estou tendo, estou cobrindo 40% das buscas
  8. Parcela de impressões Perdidas (orçamento ou classificação)

O AdWord também pode dar insights e dicas, informando com mensagens como pode melhorar seus anúncios. Seja pelo aumento do valor total da verba ou melhorando os lances dados por palavra-chave.

O AdWord é uma excelente forma de otimizar a lucratividade

Como você pode perceber, gastando pouco, você consegue alcançar resultados incríveis para seus negócios investindo no AdWord.

Mas ao mesmo tempo, criar, gerenciar e manter o controle da ferramenta, não é algo assim tão simples.

É preciso conhecer profundamente como a ferramenta funciona para garantir sempre o melhor, e saber ao fundo como determinar os melhores lances, escolher as palavras-chave positivas e negativas, as extensões de anúncio indicadas e até como colocar tags de performance e conversão.

Este conhecimento demanda tempo e dedicação exclusiva, recursos que um empreendedor e gestor nem sempre têm de sobra.

Então, como conseguir o máximo com o AdWord?
O ideal é contar com quem entende do assunto.
Aqui nas Franquias de Marketing Digital, somos especialistas em marketing digital e por isso podemos oferecer o melhor serviço de criação de anúncios no AdWord e gerenciamento de campanhas.

Evite cair na armadilha de contratar pessoas pouco experientes somente pelo baixo custo.
Aposte em parceiros competentes e experientes, que pode fazer um trabalho eficiente a curto, médio e longo prazo.

Podemos lhe ajudar e gerenciar suas campanhas. Fale conosco.

Criação de um ótimo site é a base para suas campanhas no AdWord

Apostar no AdWord é essencial para os negócios online, mas para conquistar resultados mais efetivos e duradouros é preciso ir além.

Investir em links patrocinados é como investir em uma casa alugada e investir em SEO é investir em sua própria casa.

Então, o site precisa estar otimizado, garantindo que ao chegar lá o usuário consiga encontrar tudo que precisa de forma fácil e prática. Isso sem falar na imagem de segurança que é primordial para garantir a conversão das visitas em vendas.

Por isso, antes de partir para os anúncios nos Links Patrocinados é preciso organizar a casa.
Verifique que seu site está realmente preparado para receber os clientes e se tem tudo que precisa para conseguir o máximo em resultados.

Mais do que isso, um site ruim também prejudica os resultados do próprio AdWord, fazendo com que o dinheiro investido não traga retornos.

Isso acontece porque o Google avalia constantemente o índice de qualidade, que além de avaliar o custo das palavras-chave no mercado, também leva em consideração a qualidade do anúncio em si e até da página do site de destino.

Quer saber mais sobre o assunto?
Entre em contato com as Franquias de Marketing Digital e peça uma consultoria.

Para mais informações sobre marketing digital e técnicas de incrementação dos negócios online, curta nossa página no Facebook e fique sempre “ligado”.

Porque eu preciso estar de olho nas métricas do AdWord diariamente?

Acompanhar o andamento das suas campanhas e anúncios diariamente é primordial para o sucesso. Afinal, na internet, tudo muda muito rapidamente, principalmente quando se refere aos custos das palavras-chave e buscas dos usuários.
Além disso, você garante que está realmente tirando o máximo de proveito da ferramenta, ao ajustar as estratégias de acordo com o movimento do mercado.

Por isso, ficar de olho nas métricas diariamente é essencial para garantir que está tendo um bom retorno do seu investimento e não somente jogando dinheiro fora.

As principais métricas que você deve avaliar são 9:

  1. Cliques – quantos usuários clicam no seu anuncio.
  1. Impressões – quantas vezes seu anuncio foi exibido.
  1. Índice de qualidade – avalia se o valor do lance está de acordo com o mercado, se seu site está otimizado e tem relevância para usuários e outras variáveis.
  1. CPC Máximo – lance máximo que darei para cada palavra.
  1. CPC Médio – o que você está realmente pagando em média por clique.
  1. CTR (%) – Taxa de Cliques – o CTR indica quantas vezes seu anúncio foi publicado e clicado. Ele indica se seus anúncios estão de acordo com o que seu cliente busca.

Dicas das Franquias de Marketing Digital Liguesite:

Em média, os CTRs ficam em torno de 1% a 2%.
Mercados mais concorridos são ainda mais difíceis de conquistar bons CTRs.
Tente sempre aumentar esta taxa, melhorando o textos dos anúncios e as palavras-chave.

Veja este vídeo que o Google dá 5 dicas para escolher as palavras-chave corretas:

Mas atenção!
CTR alto não necessariamente significa mais vendas. Seus clientes podem estar vendo seu anúncio, clicando neles e mesmo assim não conseguindo encontrar o que precisam em seu site. Neste caso, está tudo certo com os anúncios, mas o problema pode estar na página do seu site.

    1. Posição Média – é a média do posicionamento em que seu anúncio foi exibido, se tiver 1 é que na média ele sempre apareceu em 1° lugar, se tiver 2,5 foi aparecido entre o 2° e 3° lugar. Anúncios que aparecem em primeiro lugar tendem a conseguir melhores resultados em venda.
      Para melhorar as posições, você pode aumentar o valor dos lances por palavra-chave e investir mais por anúncio.
  1. Parcela de impressões – qual a cobertura da campanha, ou seja, de x buscas possíveis quantas buscas eu realmente estou tendo, estou cobrindo x% das buscas.
  1. Parcela de impressões Perdidas (orçamento ou classificação)- isso significa que seus anúncios não estão sendo publicados! Ou suas palavras-chave estão erradas ou seu orçamento está baixo demais.

Quer saber mais sobre criação de um site?
Veja aqui nosso artigo sobre Criação de sites – Tudo que o pequeno e médio empresário precisa saber para estar bem na Internet.

Como fazer sua loja virtual aparecer na primeira página do Google

O sonho de todo empreendedor e gestor de negócio é encontrar sempre, seu site e suas páginas de produtos em uma boa posição no Google. Isto é, ao buscar pelos produtos, serviços que fornece, encontrar ainda nos primeiros resultados, os links que levem naturalmente à sua loja ou site.

Isso é tão desejado, porque todo mundo sabe que os usuários costumam acessar somente os primeiros resultados e quase nunca chegam a mudar de página na hora de decidir onde comprar.

Mas conquistar esta façanha não é para qualquer um. Afinal, a internet está cheia de páginas, sites e lojas virtuais que oferecem os mesmos produtos que seu negócio, não é mesmo?

Mas então como se diferenciar e conquistar as melhores posições?

Anteriormente neste mesmo artigo, você aprendeu sobre quais são as formas de garantir que seu negócio apareça sempre nas primeiras páginas do Google. Você pode aparecer de maneira orgânica, pelos links patrocinados ou então off-line.

Para conseguir aparecer de maneira orgânica, precisa construir um site totalmente otimizado, focado nas estratégias de SEO e espalhando conteúdo relevante e focado para seu público em todas as páginas.
Além de outras técnicas e táticas que ajudam a melhorar seu ranqueamento natural.
Ou seja, conseguir um bom posicionamento orgânico no Google, não é uma tarefa fácil e demanda muito trabalho e dedicação constante.
Sites mais completos e que conseguem conquistar este objetivo, geralmente foram construídos de forma específica.

Já para aparecer nas primeiras páginas através dos links patrocinados, inicie com as técnicas abordadas neste material.
Revisando, precisa dominar uma série de técnicas que envolvem, mais uma vez, a escolha correta das palavras-chave, saber quais são os sites e parceiros do Google e um profundo conhecimento a respeito dos interesses do seu público-alvo.
E podemos dizer que antes de mais nada crie uma Loja Virtual com os detalhes do nosso artigo sobre como montar uma Loja Virtual.

Pensando em você ainda criarmos um BÔNUS: O E-book Guia Completo do Google Search Console, para lhe ajudar a colocar sua Loja Virtual bem posicionada no Google.

CTA Google Search Console

SEO Trafego Orgânico utilizando um blog ou AdWords

Neste artigo falamos bastante a respeito das formas disponíveis para seu negócio aparecer mais bem posicionado no Google, o maior buscador do mundo.

Mas sempre é bom repetir para deixar este tipo de conceito bem claro em sua mente. Há uma grande diferença entre os resultados orgânicos e o que é gerado através do investimento em publicidade via AdWord.

Vamos lembrar e consolidar a diferença do Trafego Orgânico e AdWord?
O tráfego orgânico é aquele que nasce a partir de um site bem estruturado, com conteúdo relevante e que esteja totalmente de acordo com as buscas realizadas pelo público-alvo.
É um trabalho que demanda tempo e dedicação constante para deixar o site sempre atualizado.

Para conseguir ficar bem posicionado organicamente, é preciso ter um site totalmente construído para este fim, utilizando um conjunto de técnicas que envolvem o SEO e outras do marketing digital. Um blog, pode sempre ajudar a conquistar este resultado, aliás é uma recomendação das Franquias de Marketing Digital, já que ajuda a garantir conteúdo relevante e um grande número de palavras-chave.

Quer saber como criar um blog e melhorar o posicionamento orgânico do seu site? Então, veja aqui nosso artigo sobre como montar um blog.

O Google AdWords, são anúncios.
Ou seja, você paga para garantir que o link de seu site seja exibido nas primeiras páginas da busca.
Os usuários sabem muito bem discernir o que é resultado de busca e o que é anúncio.

Portanto, por mais que os links patrocinados garantam resultados incríveis quando comparados com outros tipos de mídia tradicional, nada consegue um melhor resultado do que o que é conquistado através do ranking orgânico.

Quando utilizar trafego orgânico e quando utilizar o AdWord

Os dois devem ser utilizados o tempo necessário para garantir o máximo em eficiência.
O trabalho com SEO, com o blog e com o site todo para um bom posicionamento orgânico no Google é constante.

E o AdWord também é importante para melhorar o posicionamento e para aumentar o tráfego de novos visitantes sempre que possível.

O AdWord é uma das dezenas de ferramentas desse gigante, você já ouviu falar sobre RankBrain? Preparamos um BÔNUS de um E-book sobre o RankBrain, a inteligência artificial do Google.

CTA Google RankBrain

Links Patrocinados ou Facebook ADS

Hoje você aprendeu muita coisa sobre links patrocinados, a ferramenta para criação de anúncios ou links patrocinados no maior buscador do planeta.

Conheceu inclusive, como é possível criar sua conta, os anúncios e escolher os parâmetros indicados para cada caso.

Aprendeu ainda todos os conceitos em torno da ferramenta e os temos mais utilizados para poder inclusive contratar melhor os fornecedores caso desejar.

Descobriu que pode conseguir excelentes resultados gastando pouco e criando anúncios exclusivos para seu negócio baseados principalmente na escolha das palavras-chave.

Aprendeu também que o Google Ads também ajuda a melhorar o ranqueamento orgânico das empresas, deixando seus resultados mais bem posicionados nos resultados de busca.
Ou seja, trata-se de uma ferramenta excelente para aumentar o tráfego de clientes em um site e por isso, aumentas as vendas.

Mas além dele, existe também o Facebook Ads, que nada mais é do que a ferramenta de links patrocinados do Facebook.
Apesar de terem muitas coisas em comum, estas ferramentas também possuem diferenças bastante marcantes.

Veja a seguir:

Quais as diferenças do AdWords e Facebook ADS

A principal diferença é o local onde os anúncios são veiculados.
O AdWord tem foco principal no Google, é claro, e nos sites parceiros para fazem parte do Google Adsense.
Tem por objetivo a venda mais direta, chamamos isso de fundo de funil, ou seja, a pessoa que procura no Google normalmente tem um interesse mais direto na compra, em relação as pessoas que estão navegando pelo Face ADS.

O Facebook Ads, é voltado unicamente para anúncios dentro da rede social que leva o seu nome. E isso já garante um tráfego imenso, já que atualmente o Facebook é a maior rede social do mundo, utilizada todos os dias por quem deseja interagir com amigos, se informar e compartilhar suas ideias.
Há quem diga que Facebook é apenas para relacionamento e não para vendas, e gostaria de deixar 2 perguntas para você mesmo responder e tirar suas conclusões:
1. É mais fácil vender para quem você tem relacionamento, ou para quem não lhe conhece ou nunca ouviu falar de você?
2. Qual a melhor forma de expor seus produtos e serviços, para quem confia em você ou para quem nunca ouviu falar de você?

O foco principal do AdWord são as palavras-chave. Por sua vez, o Facebook Ads, vai mais a fundo, já que também proporciona uma segmentação ainda mais completa, baseada em interesses e comportamentos das pessoas.

Quais os principais objetivos do AdWords e Facebook ADS

O objetivo de ambas as ferramentas é garantir mais tráfego qualificado para o site, e por fim, conseguir conquistar mais vendas.
Aliás, este é o objetivo de qualquer tipo de investimento em divulgação, independente do meio, inclusive fora da internet.

As duas formas de divulgar, portanto, tanto o AdWords quanto o Facebook Ads são extremamente positivas neste sentido e garantem resultados incríveis para os anunciantes que as escolhem.

Mas o foco delas e a forma como fazer esta divulgação é que muda um pouco.
O AdWords tem uma levada bastante comercial, e os resultados mais positivos são conquistados quando se coloca link direto para a página de vendas e anúncios com extensão.

Por outro lado, o Facebook é um site voltado para o entretimento e o conteúdo, e por isso, somente oferecer produtos e links para compra nem sempre podem garantir os melhores resultados. Ou melhor fuja desse apelo.

Há formas e maneiras para conseguir tirar o máximo de proveito do Facebook Ads, levando em consideração todas as suas especificidades e milhares de segmentações disponíveis.

Quer saber muito mais sobre o Facebook Ads e o que esta ferramenta pode fazer pela sua empresa?
Veja aqui nosso artigo sobre Facebook ADS – Um guia completo de Como Funciona, O que é, e Como utilizar no seu negócio.

facebook edgerank

Gostaríamos só de concluir esse assunto, e lembrar que não adianta as pessoas chegarem em seu site ou loja e você não ter uma boa equipe de vendas, certo?
Só para deixar claro as coisas, nem o AdWords, nem o Facebook ADS venderão por você, então treine bem suas equipes de Vendas!!!

Gere campanhas, faça vendas, mas não esqueça de fidelizar seus Clientes

O segredo de sucesso dos negócios, vai além de simplesmente conquistar clientes e realizar vendas. Isso até quem não se dedica muito ou está começando no mercado pode conseguir, pelo menos por pouco tempo.

Basta estar na hora certa, no momento certo ou investir pesado em publicidade e divulgação.
Mas vender muito somente uma vez, não significa que tudo vai dar certo sempre.

A chave para o sucesso, gira também em torno da fidelização dos clientes.
Negócios que fidelizam seus clientes sempre por perto e por mais tempo, são capazes de construir uma relação longa e duradoura.

Além de conseguirem se manter firmes e fortes com o passar dos anos, ainda conseguem aumentar sua lucratividade.

Afinal, clientes fiéis conseguem compreender uma geração de valor que vai além do simples produto.
Decidem por adquirir de um lugar ao invés de outro por causa da relação de confiança, pelo serviço bem feito que vem agregado e mais, pela sensação de que é mais compreendido por esta empresa.

Ou seja, as empresas que conquistam um bom nível de fidelização de seus clientes, não sofrem com muitas flutuações de preços, conseguem vender o mesmo produto por preços maiores e ainda costumam possuir um ticket médio bem mais alto.
Isso sem falar no custo que envolve a conquista de um novo cliente.

É preciso investir em publicidade, em diferenciais, e até em descontos expressivos e reais, mesmo que esses descontos diminuam um pouco a lucratividade por um período.

Mas como é possível conquistar clientes e mantê-los sempre por perto?

Antes de mais nada é preciso oferecer o que o mercado precisa, garantindo opções de produtos de qualidade e confiáveis.
Empresas que se baseiam somente pelo menor preço raramente conseguem manter os clientes por perto por muito tempo.

Em segundo, é preciso se diferenciar. Focar em soluções agregadas que vão além do simples produto.
Pode ser uma entrega mais rápida, embalagens diferenciadas, formas de pagamento que se adaptam às necessidades do cliente e muito mais.
Também é preciso manter as equipes de vendas sempre treinadas, oferecendo um bom atendimento e tirando todas as dúvidas dos clientes.

Outro ponto interessante é o pós-venda. Empresas que não se dedicam em oferecer um bom pós-venda não são capazes de conquistar a fidelização.

Não basta mais simplesmente oferecer o produto e achar que o momento da entrega é o fim da relação entre empresa e consumidor.
As empresas precisam se preparar para resolver possíveis problemas, ajudar os clientes a tirar as dúvidas com relação à melhor utilização dos produtos e algumas vezes, abrir mão de uma parte da lucratividade para realizar trocas e manter um bom relacionamento. Isso se chama investimento.

A tecnologia pode ajudar e as Franquias de Marketing Digital Liguesite tem uma ótima opção

De forma geral, fidelizar não é uma tarefa muito fácil. Mas a notícia boa é que a tecnologia está disponível para ajudar neste sentido.

É o caso de ferramentas como o FideliZii que garante formas incríveis de manter o interesse dos clientes sempre em alta.
O FideliZii deixa o relacionamento mais próximo e mais prático para a empresa, pois possibilita uma visão em tempo real de tudo que acontece.

Quer saber mais sobre o FideliZii?
Conheça tudo que esta tecnologia inovadora pode fazer pela sua empresa.

bonus-marketing-de-relacionamento

Isso é marketing digital como o Google AdWords, isso é Liguesite para você.

Agora que você já sabe tudo sobre como funciona o Google AdWords, comece a colocar em prática agora mesmo.

Se ainda surgirem dúvidas, não se preocupe. Entre em contato com uma de nossas Franquias de Marketing Digital Liguesite e saiba tudo que podemos oferecer para seu negócio.

Ótimos Resultados para seu Negócio!

Comentários

comments

Posts recentes