Infográfico: um guia prático e completo

Um guia para Infográficos

Por Artigo de Wallace Castro. Postado em 10/07/2018. Última atualização em 10/07/2018.

Tempo estimado de leitura: 30 minutos.

Ganhando espaço no universo virtual e até mesmo nos livros e materiais didáticos, os infográficos precisam ser entendidos. Peça que dentro de um negócio pode fazer a completa diferença nos resultados, se você precisa de uma nova estratégia em que investir, essa é sem dúvida uma excelente alternativa com que contar.

Você sabe o que é um infográfico e como ele deve ser construído? Tem ideia de quais são os tipos existentes ou dúvidas sobre como aplicá-los dentro do seu próprio empreendimento?

Como uma carta coringa, o infográfico pode marcar presença em inúmeros contextos e é justamente sobre isso que trata este conteúdo. Continue lendo e descubra absolutamente tudo sobre o tema em “Infográfico: Um guia prático e completo” agora mesmo!

CONTINUAR LENDO

O que é Infográfico?

Com certeza você já se deparou com vários infográficos por aí. Definidos como representações visuais que conseguem unir imagens e textos a fim de passar informações, eles são uma excelente alternativa em que investir a fim de definir a melhor estratégia para explicar algo.

Passando todo o conteúdo para o leitor de um jeito mais simples, didático e direto, os infográficos são como esquemas com figuras. Seu sucesso se deve basicamente por ser um tipo de comunicação que estimula toda a capacidade cerebral. Visto que o lado direito faz a leitura das imagens e o esquerdo da escrita, sua junção permite uma melhor compreensão.

O infográfico é um recurso bastante utilizado por ser mais atrativo e também por prender a atenção do leitor. Além do mais, ele pode ser entendido mais facilmente já que as figuras funcionam como elementos isolados que permitem a completa compreensão.

No geral, o infográfico é bastante simples de ser feito e é uma ótima escolha por se encaixar perfeitamente a vários públicos, tais como B2B e B2C, por exemplo. É uma excelente estratégia também porque pode ser usado tanto na geração de leads quanto para o aumento de tráfego.

Por fim, um último dado importante e que reafirma porque é tão interessante utilizar o infográfico como isca para o seu negócio virtual. Nos últimos anos tem sido notável, dentro dos mecanismos de busca, a quantidade de pesquisa e procura pela palavra infográfico. E, acredite: De 2011 para cá, há indicativos de que esse aumento foi de nada menos do que 800%!!

As pessoas estão cada vez mais conscientes do quanto é interessante absorver um conteúdo a partir de um infográfico e as empresas, que já investem nesse modelo, têm conquistado uma melhor visibilidade dentro de seu respectivo mercado, é claro.

Portanto, se você quer investir em uma estratégia digital para a sua empresa, mas não definiu ainda o que fazer, esteja ciente de que optar pela criação de infográficos é uma alternativa mais do que interessante. Em média, os infográficos estão 30 vezes mais aptos de serem lidos do que os textos corridos já que exigem menos concentração, perfeitos para a correria do dia a dia.

Como a presença digital fez uma empresa aumentar 1500% do seu faturamento

 

Quais os tipos de infográficos?

tipos de infograficos

Agora que você já sabe o que é um infográfico é importante que saiba que existe mais do que um tipo. Dependendo do assunto retratado e do seu público, você deverá variar justamente esse tipo de infográfico para, assim, “casar” melhor as informações.

“Mas, quais são os tipos de infográfico mais comuns?”, você pode estar se perguntando. E é justamente sobre isso que trata este tópico. Quer saber qual o melhor modelo para o seu negócio em específico? Veja a seguir os principais tipos existentes e escolha o mais adequado:

Infográfico animado é um dos tipos de infográficos mais atrativos

Tipo razoavelmente diferenciado, o infográfico animado é uma excelente alternativa por apresentar qualquer tipo de conteúdo ao seu público.

Envolvendo a mobilidade de elementos, esse tipo de diagramação proporciona uma experiência ainda melhor e completa ao facilitar muito a compreensão do que está sendo apresentado.

O infográfico animado pode tanto ser uma criação em vídeo com áudio quanto um simples gif.

O mais importante mesmo é que ele traga algum tipo de interação entre os componentes de sua estrutura, sejam setas ou imagens específicas que aparecem ou somem.

Mais adiante veremos esse tipo de infográfico na prática, acompanhe!

Um dos recursos particularmente mais explorados quando o assunto é nesses tipos de infográficos é o foco.

A partir da movimentação dos elementos é possível ao autor voltar a atenção do leitor especificamente para determinada parte do arranjo conforme ele é apresentado. Isso costuma ocorrer de uma forma muito mais leve e mais atrativa.

Esse modelo de infográfico também é um recurso indicado quando o autor pretende apresentar o seu produto ou serviço de modo menos maçante. Além do mais, é um formato que permite trabalhar bem a didática e a educação dos leads e leitores em geral.

Infelizmente, o ponto negativo deste tipo de material é que ele é um pouco mais complexo de ser criado. Exigindo qualidades e conhecimentos em animação e modelagem 3D, para criar este infográfico esteja certo de ter um excelente apoio profissional caso esta não seja especificamente sua área de atuação.

Outro problema é o tamanho do arquivo gerado (normalmente .gif), isso pode diminuir a velocidade de carregamento do seu site.

Mas no final das contas vale muito a pena esses tipos de infográficos.

Infográfico estático é um dos tipos de infográficos mais usados

O mais comum entre todos os tipos de infográficos disponíveis na internet, o infográfico estático é subdividido em vários grupos menores. É simples de fazer e também bastante utilizado em revistas, jornais e até mesmo em propagandas e anúncios.

Para ter um excelente infográfico estático é importante atentar-se ao seu design para que o leitor não fique confuso.

Ajustar espaços que estão vazios com informações e imagens é indispensável, seja em um info de pizza ou que exija mais atenção para a completa leitura!

Os principais infográficos estáticos são aqueles conhecidos como mapas, sendo exemplos clássicos os conteúdos que abordam sobre quais são as cidades mais populosas no mundo, quais são as mais limpas e mais ricas, entre outros.

Também faz parte desse subgrupo os infográficos do estilo “versus” em que duas ou mais informações são contrastadas.

A linha do tempo e o tipo lista também são outros tipos importantes de infográficos estáticos com que contar, além do fluxograma, do artigo visual e do grupo analítico.

A mensagem ainda pode ser passada a partir de infográficos virais, conhecidos como “tipo emocional” já que rapidamente são compartilhados, ou imagem, hierárquico e, é claro, como fazer.

Por fim, neste tipo de infográfico ainda vale citar o infográfico estático único que é costumeiramente usado em redes sociais. Seu principal objetivo é o compartilhamento, por isso são facilmente compreensíveis e são compostos de um só item, ou seja, foco.

Infográfico interativo é um dos tipos de infográficos mais complexos

O último e talvez mais complexo dos três modelos de infográficos mencionados nesse artigo, o tipo interativo exige, além dos conhecimentos básicos em animações, também a capacidade de programação. Aliás, vale frisar que esta é a base, o elemento fundamental para a criação deste tipo de conteúdo, pois é assim que é permitida a interação com o usuário.

Em resumo, tratando-se do infográfico interativo, ele permite a total transição do usuário pelo conteúdo sendo que o mesmo decide como consumir o material.

É possível clicar em itens, ir e voltar pelos menus do infográfico, e aplicar zoom conforme sua necessidade em específico.

É um material que exige, portanto, total preparo do programador.

Tudo deve estar previsto a fim de que o infográfico não falhe durante o processo de exploração do lead.

Muitos testes são necessários além de gigantesco empenho para que os tópicos fiquem correlacionados e apontem logicamente para um fim tido como principal objetivo: Absorção de todo o conteúdo!

Vale lembrar que existem muitos sites sendo produzidos atualmente na versão de infográfico interativo. Essa modernização demonstra apenas que é viável e completamente interessante investir nesse tipo de criação dentro do seu próprio negócio.

Independente do assunto abordado, dá para gerar um gigantesco engajamento com este recurso incrível!

Como fazer um infográfico?

Existem alguns passos bem simples de como fazer um infográfico a partir do zero.

Basicamente eles são os mesmos para todos os tipos de infográficos e independem do assunto em questão a ser tratado.

Veja a seguir qual a ordem mais certa e cronológica de como fazer um infográfico:

Defina o tema a ser abordado

Você se decidiu por fazer um infográfico, que ótimo! Parabéns! Mas:

  • sobre qual assunto tratará seu material?
  • qual será o tema abordado?

Se você apenas tomou a decisão e não pensou sobre esse ponto, a hora para pensar é exatamente agora. Afinal, de nada vale saber como fazer um infográfico sem antes fazer essa definição, certo?

Basicamente, para definir o tema a ser trabalhado, é preciso olhar para o seu púbico e também para o seu negócio.

  • o que há em comum entre vocês?
  • o que pode gerar uma boa comunicação e interesse fruto, dessa relação que pode até mesmo ser distante (online)?

Quando você conhece em detalhes quem é a sua persona você consegue fazer essa definição de modo muito mais fácil.

Por isso, antes de aprender "como fazer um infográfico", olhe primeiramente para os seus potenciais leitores e tente entender o que eles precisam saber, enquanto você procura definir este tema.

Faça sempre um esboço

Nenhum material fenomenal foi criado de uma só vez e já foi publicado.

Esteja certo de que qualquer conteúdo, inclusive este artigo, foi relido dezenas de vezes antes que chegasse até a sua tela para lhe passar tais informações. Com o infográfico tudo acontece da mesma forma.

Primeiro, é preciso fazer um rascunho de como ele será a fim de enxergar possíveis erros e potenciais melhorias. Quão bom não é ter ao menos parte dessa resposta em mãos antes mesmo que o conteúdo seja finalizado e vinculado a alguma página ou mídia, não é?

Durante o esboço procure entender ainda o porquê da sua empresa ter interesse em produzir este conteúdo.

Então antes de saber como fazer um infográfico, quanto mais detalhadas as respostas acima, melhor. Afinal, assim você terá uma clara noção de como conduzir o processo de criação do infográfico.

Determine a ordem de apresentação

Agora vamos começar a entrar um pouco na prática de como fazer um infográfico!

Um infográfico precisa ter sentido e ser claro para que engaje o leitor. E, para tanto, no momento de sua criação é imprescindível que seja avaliada a forma, a ordem, com que cada informação será passada. É preciso seguir uma lógica se possível.

A organização deve começar já na fase das ideias. Apesar do brainstorming – chuva de ideias – ser realmente interessante para repaginar a área interna da empresa, passado este momento é preciso organizar. Quanto mais as ideias forem agrupadas e arrumadas, melhor.

A ordem de apresentação ajuda a clarear o processo responsável pela criação de um bom e eficiente infográfico. Sendo assim, não pule este passo jamais se deseja ter sucesso.

Seja um designer – ou contrate um!

Enfim, agora vamos ver como fazer um infográfico.

Tendo em mãos absolutamente todas as informações e dados mencionados anteriormente, é hora de juntar tudo no que será o mais novo infográfico.

Para ter melhores resultados é importante que você tenha conhecimentos sobre design, afinal essa parte realmente conta muito na hora de estimular o leitor a seguir pelas informações até chegar ao fim do conteúdo.

Caso não tenha muita aptidão com este tipo de criação e mesmo que as ferramentas e que os aplicativos no assunto não sejam suficientes para lhe ajudar, a dica aqui é procurar por um profissional no ramo.

A contratação desse profissional pode ser o real motivo do infográfico se destacar, uma vez que é essencial unir informação de qualidade a um bom design também.

Acrescente um atrativo Call-to-action ao fim

Caprichou no infográfico e o tornou incrivelmente interessante de modo que o leitor chegou ao fim do conteúdo?

Que ótimo! Um grande passo foi dado no quesito interação e engajamento. Todavia, ainda há outros passos que se dar para que o trajeto seja cumprido.

Seu objetivo é converter, vender ou ampliar seu mercado a partir da valorização da sua marca? Seja qual for sua meta, é indispensável que o seu CTA esteja condizendo e apontando diretamente para este objetivo nítido e claro.

Caprichar no Call-to-action significa, portanto, saber exatamente o que você quer fazer com este leitor ao término da exploração do seu material.

Que tal convidá-lo a saber mais ou receber um conteúdo exclusivo? Por que não incentivá-lo a compartilhar o infográfico? As opções são muitas, por isso capriche!

Modelos de infográficos

Depois de conferir o que é infográfico e saber quais são os seus principais tipos é importante ainda ter em mente alguns modelos de infográficos para se orientar melhor. Veja a seguir um exemplo de cada um dos tipos mencionados antes:

Exemplo de modelo de infográfico animado

infografico animado

Fonte: https://marketingdeconteudo.com/wp-content/uploads/2016/10/persona.gif

O tipo infográfico animado prende a atenção como você pode conferir neste modelo.

Ele engaja e apresenta de forma rápida e direta de que trata o assunto do conteúdo, é simples e não deixa dúvidas sobre o tema.

Rapidamente você consegue compreender o que levaria vários minutos para ler em um conteúdo do tipo mais tradicional – ou seja, um texto.

Esses modelos de infográficos são realmente uma excelente opção!

Exemplo de modelo de infográfico estático lista

infografico estatico tipo lista

Fonte: https://www.liguesite.com.br/blog/experiencia-do-usuario/

Por sua vez, nestes modelos de infográficos tem-se claramente a apresentação de um conteúdo listado.

Ele aborda de modo mais aprofundado o tema central da matéria e pode ser compartilhado mais facilmente, servindo até mesmo para situações em que é exigido o uso da didática, por exemplo.

Apesar de ter texto, ele é enxuto e bastante específico em suas definições.

Exemplo de modelo de infográfico interativo

infografico interativo

Fonte: https://www.washingtonpost.com/graphics/entertainment/game-of-thrones/?utm_term=.2a24b422f0e9

O último dos modelos de infográficos é o interativo, aqui representado por esta imagem, precisa do clique dos usuários para ir ganhando forma.

Neste exemplo, a foto refere-se à página do Washington Post que cita as mortes ocorridas nas temporadas de Game of Thrones.

O leitor pode acessar qualquer temporada para saber mais detalhes, como quais foram as pessoas, é realmente um dos modelos de Infográficos mais complexos, confira na prática é muito interessante!

4 ferramentas para fazer infográficos

Depois de conhecer O que é Infográfico e toda a importância do infográfico, é chegada a hora de aprender como criar um conteúdo interessante a partir dessa estratégia.

Para otimizar e usar toda a capacidade deste tipo de conteúdo é válido trabalhar com ferramentas para fazer infográficos, que foram desenvolvidas exatamente para a criação destes materiais.

Veja a seguir alguns exemplos de ferramentas para fazer infográficos:

1. Canva

O Canva é um fenômeno quando o assunto é criação de infográficos e por isso aparece como primeira opção de ferramenta em muitos contextos.

Ideal para a manipulação de imagens, o Canva é ótimo para quem precisa criar conteúdos para as redes sociais, por exemplo.

Na hora de criar um infográfico é simples e bastante prático, perfeito para quem ainda não sabe muito sobre esse processo de criação.

Seu lema é “Arrasta e solta” sendo que qualquer pessoa consegue criar o seu infográfico a partir dos recursos disponibilizados pela ferramenta.

A conta é gratuita, o que também valoriza e aumenta muito o número de acessos, é claro.

Para usar o Canva basta se registrar no site. Depois disso, em poucos passos seu negócio já terá um infográfico completo e sem igual para ser publicado.

A atração do público-alvo é certa a partir do uso deste recurso incrível e completamente virtual.

Agora como já falamos anteriormente, se você não tem tempo, o ideal sempre é buscar um profissional.

2. Infogr.am

Outra opção gratuita quando o assunto é ferramentas para fazer infográficos, o Infogr.am tem crescido e se destacado muito entre os empreendedores digitais.

Mais do que dar conta do recado, essa ferramenta tem um diferencial incrível que é o upload de planilhas em Excel na hora da criação do infográfico. Ou seja, mais fácil impossível, não é mesmo?

Uma vez que a maior parte dos dados costumam estar tabelados em planilhas Excel, esse tipo de diferencial e recurso acaba por facilitar e agilizar muito a rotina de criação.

Os dados dos infográficos tornam-se mais precisos e, é claro, verídicos, o que é incrivelmente importante!

É possível personalizar todo o seu infográfico durante o processo de criação do Infogr.am.

Em poucos minutos o infográfico está completamente pronto para ser publicado e divulgado para o seu público-alvo.

A ferramenta ainda dispõe de inúmeros estudos, mapas e estatísticas que ajudam o seu conteúdo a ficar ainda mais completo e preciso independente do assunto.

3. Piktochart

Partindo para as opções que vão de gratuitas a pagas mensalmente, o Piktochart é outra das melhores ferramentas para a criação de infográfico.

Com uma gigantesca quantidade de templates já predefinidos é fácil construir comunicações visuais a partir deste recurso.

Um dos grandes diferenciais do Piktochart é que ele identifica caso algum concorrente direto seu já esteja usando o mesmo template. Assim, evita-se a criação de conteúdos semelhantes o que, evidentemente favorece muito o seu próprio material e o torna mais competitivo.

O Piktochart está disponível tanto na opção gratuita quanto na opção paga.

Na opção paga você tem acesso a muitos templates diferenciados e consegue até mesmo retirar o logo da ferramenta do seu infográfico durante a criação.

A média de pagamento mensal do programa varia, podendo chegar a $ 29 mensais. E o melhor é que você pode começar na versão gratuita.

4. Creately

Por fim, não menos importante, outra opção de ferramentas para fazer infográficos é o Creately.

Repleto de diagramas disponíveis, essa é a opção mais cara no quesito investimento. Todavia, é válido lembrar que esta ferramenta também possui sua versão gratuita podendo o usuário contratar apenas depois a opção paga para ter mais recursos.

No Creately o grande diferencial é que é possível criar absolutamente qualquer tipo de forma online para publicar em seu blog ou site. Inclusive, dá para fazer o material tanto pelo desktop quanto através de plugins, é você quem escolhe!

A versão gratuita tem muitas limitações, mas para aqueles que decidem investir – em média até $ 75 mensais – não existem limites.

É sem dúvida uma das opções mais profissionais entre as listadas entre as ferramentas para fazer infográficos.

Infográfico e Marketing Digital: combinação que tem tudo a ver!

Em meio a uma Era tão tecnológica e virtual, entender a importância do infográfico em meio ao Marketing Digital é mais do que uma necessidade.

Tal como uma obrigatoriedade para os negócios que desejam manter seu ritmo de vendas, este tipo de investimento é um nítido cuidado com o seu público. Ou seja, aqueles que diariamente acompanham a empresa.

Cada infográfico criado representa uma alternativa de conteúdo e conhecimento. E, desde que bem feito, não tem porque ele não alcançar um excelente patamar dentro do seu nicho de mercado. Aliás, preocupe-se em conferir tamanha qualidade ao infográfico de modo que ele seja uma referência a ser compartilhada por inúmeras outras páginas que levem direto a você.

Não sabe como garantir toda essa eficiência no infográfico? Tem dúvidas sobre como equilibrar as estratégias digitais para trazer melhores resultados para a sua empresa? Você com certeza precisa falar com especialistas sobre o assunto! Aproveite para montar o passo a passo da sua estratégia digital com a Liguesite, tenha mais do que um excelente infográfico!

Aproveite para saber mais sobre marketing digital diretamente com profissionais e crie a melhor estratégia para o seu negócio já, estamos nos canais Facebook, no LinkedInYoutube e no Google+.

A missão das Franquias de Sucesso Liguesite é garantir que, juntos, pessoas se conectem ao seu negócio por meio da internet!

Seja estratégico, conecte-se.

Aficionado por empreendedorismo, graduado em Tecnologia, Marketing e Economia, já geriu áreas comerciais de diversas empresas de tecnologia, participa como voluntário do ITFB e ICM, atualmente é o Diretor Comercial e Marketing da rede de Franquias Liguesite.

Liguesite

O blog Liguesite oferece conteúdo de marketing digital gratuito para empreendedores alcançarem resultados positivos em seus negócios com a internet. Nós queremos ajudar você e a sua empresa também!

Liguesite Matriz

ENDEREÇO

Rua Antonio Daniel Dalcuche Filho, 27
Curitiba
Paraná

 

ATENDIMENTO

(11) 4063-2828   |  (21) 4062-7834
(31) 4062-7934   |  (41) 4063-9808
(48) 4062-1878   |  (71) 4062-9878
(81) 4062-9802   |  (85) 4062-8442

sac@liguesite.com.br

© 2018 Liguesite. Todos os direitos reservados. Leia nossa Política de Privacidade.