Aprenda como calcular

Juros Compostos

Juros Compostos

Por Comunicação Liguesite. Postado em 26/01/2018. Última atualização em 19/06/2019.

Tempo estimado de leitura: 5 minutos.

Em momentos de crise como o que o Brasil atravessa, muitas vezes os empreendedores ficam em situações financeiras no mínimo complicadas, fazendo que não haja outra alternativa senão tomar empréstimos de instituições financeiras.

No entanto, mesmo que muitas vezes essa seja uma atitude impossível de ser evitada, e possível adotar algumas posturas para diminuição dos prejuízos, de forma que o valor pese menos.

Além da pesquisa de instituições financeiras para achar aquela que oferece os menores valores, deve-se prestar especial atenção à fórmula de cálculo de juros, e é justamente uma dessas fórmulas que iremos abordar nesse artigo: os juros compostos.

CONTINUAR LENDO

O que é juros compostos?

Para que você possa entender no que exatamente consiste o conceito, uma maneira de tornar o entendimento mais fácil é fazendo uma comparação com os juros simples.

Nesse último caso, o valor excedente, ou seja, o que rende para à instituição financeira depois que seu cliente realizou o empréstimo, é calculado sobre o valor inicial.

Assim, vamos supor que um empréstimo de R$ R$ 10.000,00 tenha um juros simples de 20% ao ano.

20% De R$ 10.000,00 equivale a R$ 2.000,00 reais, fazendo com que ao final de um ano o cliente pague R$ 12.000,00.

No caso dos juros compostos, o valor dos juros é cumulativo.

Tomando como exemplo o valor utilizado acima, no caso de um empréstimo de R$ 10.000,00 feito com a mesma taxa, mas sob o regime dessa forma de juros, ao final de um ano o tomador pagaria os mesmos R$ 12.000,00.

No entanto, no próximo ano o valor dos juros incide sobre esses R$ 12.000,00, é não mais sobre os R$ 10.000,00 iniciais, e assim sucessivamente até que o empréstimo esteja quitado.

Formula juros compostos

Tudo o que foi dito acima sobre os juros compostos pode ser expresso de forma matemática pela seguinte expressão:

F = P . (1 + i) elevado a n, onde:

  • -F: valor do futuro, e por isso muitas vezes costuma ser substituído por “M”, de montante;
  • -P: valor presente, ou seja, o valor atual sobre o qual se deseja fazer o cálculo;
  • -n: a quantidade de vezes em que os juros apresentam alta, geralmente dada em meses ou em anos;
  • -i: corresponde ao percentual de juros, ou seja, a porcentagem cobrada.

Como calcular juros compostos

Apesar de já termos abordado, mesmo que superficialmente, a fórmula de cálculo do referido juros, é necessário entender em detalhes seu funcionamento, e para isso usaremos o mesmo valor considerado uma taxa de juros mensal e uma taxa de juros anual.

Taxa anual

Considerando um valor de R$ 1.000,00 com taxa de juros de 3% ao mês, temos um juros mensal no primeiro mês de R$ 1.030,00.

No segundo mês, é cobrado 3% sobre o valor de R$ 1.030,00, ou seja, o valor final fica em R$ 1.060, 90, e assim sucessivamente até que o número de prestações chegue ao final, fazendo com que esse pareça um bom negócio, mas que na verdade no longo prazo apresenta diversas desvantagens as pessoas que optam por esse regime de juros.

Taxa mensal

considerando o mesmo valor de R$ 1.000,00 com uma taxa de juros 30% ao ano, no primeiro ano o valor inicial subirá para R$ 1.000,00 + R$ 300,00 = R$ 1.300,00.

No segundo ano, os 30% será cobrado sobre R$ 1.300,00, e não sobre o valor inicial, o que dá R$ 1.690,00, e assim por diante até que o empréstimo esteja quitado.

Portanto, a melhor opção só pode ser determinada depois de realizada uma boa pesquisa das opções disponíveis no mercado.

Caso queira saber mais sobre o cálculo de juros simples ou sobre empréstimos, não deixe de conferir os demais posts do nosso blog.

Gostou do nosso artigo? Então curta nossa página do Facebook ou LinkedIn, e tenha sempre informações como essa ao seu alcance.

A missão das Franquias de Sucesso Liguesite é qualificarmos os empreendedores das nossas franquias para que ofereçam as melhores soluções digitais do mercado, fazendo com que produtos, serviços e marcas sejam encontradas por quem as procura.

Se você precisar de ajuda para abrir o seu próprio negócio, para ter mais segurança, liberdade e crescer, ou simplesmente deseja para escolher a melhor franquia para investir, fique à vontade para falar conosco.

Somos conectados e conectamos pessoas, via internet.

Seja estratégico, conecte-se.

Liguesite

O blog Liguesite oferece conteúdo de marketing digital gratuito para empreendedores alcançarem resultados positivos em seus negócios com a internet. Nós queremos ajudar você e a sua empresa também!

Liguesite Matriz

ENDEREÇO

Rua Antonio Daniel Dalcuche Filho, 27
Curitiba
Paraná

 

ATENDIMENTO

(11) 4063-2828   |  (21) 4062-7834
(31) 4062-7934   |  (41) 4063-9808
(48) 4062-1878   |  (71) 4062-9878
(81) 4062-9802   |  (85) 4062-8442

[email protected]

© 2018 Liguesite. Todos os direitos reservados. Leia nossa Política de Privacidade.