Vida de empreendedor: qual o investimento para abrir uma franquia?

Vida de empreendedor: qual o investimento para abrir uma franquia?

Por Artigo de João Cesar. Postado em 04/05/2017. Última atualização em 04/05/2017.

Tempo estimado de leitura: 8 minutos.

Você tem espírito empreendedor, mas tem receio de arriscar seu emprego para abrir o próprio negócio? Então você veio ao lugar certo.

Sabemos que o empreendedorismo no Brasil tem ganhado força nos últimos anos, o que gera ótimas oportunidades de investimento e demandas por serviços de outras empresas.

Ao final desse artigo, você saberá exatamente qual o investimento para abrir uma franquia e os principais benefícios dessa modalidade de empreendimento.

Com as nossas dicas, decidir o ponto de partida ficará ainda mais fácil. Continue a leitura e confira!

CONTINUAR LENDO

Quais são os gastos na abertura de uma franquia?

Iniciar seu próprio negócio investindo em uma franquia é uma excelente maneira de reduzir os custos iniciais e garantir maiores chances de sucesso. Afinal, esse modelo de negócio já foi testado e comprovado na prática por outros empreendedores.

Veja a seguir os principais custos envolvidos na abertura de uma franquia:

Capital de Giro

Essa quantidade varia de um negócio para outro. O valor de custos fixos mensais será utilizado para manter seu negócio funcionando sem prejuízos caso as vendas do mês anterior não tenham atingido o limite mínimo para arcar com as despesas e gerar lucros.

O capital de giro é indispensável para todo e qualquer negócio, principalmente nos primeiros meses de existência, quando uma franquia ainda está iniciando suas atividades no mercado em busca de clientes e parceiros.

Taxa de Franquia

A taxa de franquia é o valor cobrado pela franqueadora pelo direito de uso da marca na sua área de atuação. O pagamento dessa taxa garante ao franqueado diversos benefícios, tais como:

  • atuação na sua região, podendo ser exclusiva ou não;
  • treinamentos;
  • acesso às ferramentas da franqueadora;
  • fornecimento de materiais de divulgação;
  • apoios administrativo, comercial, atendimento;

Essa taxa é paga no ato da formalização da parceria, e nas renovações de contrato.

Taxa de Instalação

Essa taxa corresponde a um valor estipulado pela franqueadora e engloba todos os custos iniciais para a instalação da franquia, tais como equipamentos, aluguel, internet, mobília, telefonia, etc.

Em alguns casos, dependendo do maquinário e estrutura já existente, sendo a franquia home based, é possível que não haja a necessidade da aquisição de novos materiais ou serviços.

Os valores para essa taxa variam de um negócio para outro, mas estima-se R$ 200 mil para uma franquia de alimentação e R$ 25 mil para uma Franquia Virtual.

Formalização Empresarial

Mesmo se a franqueadora já possui uma marca e CNPJ próprios, para atuar como franqueado é preciso possuir um registro empresarial enquadrado no CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) e ser orientado por eles.

O CNAE é o meio pelo qual serão feitas todas as transações jurídicas e comerciais inerentes ao funcionamento do negócio. As despesas, nesse caso, podem ser de R$ 500 a R$ 2 mil, dependendo do tamanho da franquia.

Em algumas situações, é possível até mesmo iniciar as atividades como MEI (Microempreendedor Individual), onde os custos são bem baixos, algo em torno de R$ 60 por mês, com todos os impostos já inclusos.

Taxa de Royalties

Os royalties são pagos à franqueadora de acordo com o faturamento do franqueado, correspondendo a uma taxa fixa.

Se a empresa da qual você deseja ser franqueado cobra uma taxa de 15%, por exemplo, e seu faturamento bruto for de R$ 10 mil, então a taxa de royalties mensal será de R$ 1.500.

Podem ser cobradas ainda taxas fixas para uso recorrente de ferramentas e softwares da franqueadora, principalmente em empresas que atuam exclusivamente por esse meio.

Financiamento ou capital próprio: qual é a melhor opção?

O ideal é que você disponha de capital próprio para abrir sua franquia, pois assim fugirá dos juros do financiamento bancário. Mesmo com as linhas de crédito para empreendedorismo parecendo cada vez mais atrativas, elas cobram juros que distanciarão seu negócio da meta de lucrar.

Mesmo assim, caso não possua o capital necessário e deseje obter um financiamento, diversas linhas de crédito estão disponíveis nas instituições bancárias, especialmente voltadas para a aquisição de franquias.

Existem bancos que possuem uma linha de crédito especificamente para abrir uma franquia, para as quais o crédito de financiamento é pré-aprovado, o que facilita a sua concessão. Isso ocorre por que a instituição já avaliou o potencial de retorno desses modelos de negócio e confia no sucesso dos mesmos.

Qual é o melhor ramo para abrir uma franquia?

Tendo se tornado um modelo de negócio extremamente popular, é possível encontrar franquias para os mais diversos segmentos comerciais, desde serviços gerais à agências de publicidade e lanchonetes.

Em meio aos diversos setores atuantes por esse modelo, o de tecnologia e marketing são os principais destaques, tanto pela qualidade das franquias disponíveis quanto pela alta demanda por serviços no segmento.

Além disso, por necessitarem de uma estrutura física menos robusta, as franquias tecnológicas costumam ter custos de manutenção e aquisição mais atrativos, o que possibilita ao empreendedor começar o negócio sem muita burocracia e até mesmo já obter lucro nos primeiros meses de funcionamento, a depender somente da demanda do seu mercado.

O custo médio para aquisição de uma franquia de marketing/tecnologia com atuação online gira em torno R$ 35 mil a R$ 50 mil. Já o faturamento médio de um negócio nesse ramo funcionando a pleno vapor pode chegar a R$ 30 mil.

O retorno sobre o investimento (ROI) costuma ocorrer no período de 9 a 18 meses.

É um modelo extremamente indicado para quem tem perfil comercial.

Quais os diferenciais de uma franquia de marketing e tecnologia?

O principal diferencial é a possibilidade de iniciar as atividades com muito mais rapidez, visto que a estrutura física de algumas delas pode ser um escritório na sua própria residência.

Por se tratar de um serviço digital, não há a preocupação constante com reposição de estoque ou eventuais contratempos com itens defeituosos.

A internet está presente em todos os lugares, e as pessoas a utilizam com cada vez mais frequência para realizar suas compras, o que contribui para um aumento significativo da demanda por estes serviços no mercado.

Agora que você já sabe qual o investimento para abrir uma franquia, seus principais benefícios e os setores que estão em alta, que tal dar o primeiro passo e conhecer uma das melhores franquias de tecnologia e marketing digital do mercado? Confira nossa proposta e prepare-se para fazer a diferença no mercado!

Até breve!

Palestrante e pós graduado em tecnologia, vem empreendendo há 20 anos em diversos segmentos do mercado, atualmente participa como voluntário do ITFB e ICM, é conselheiro da rede de Franquias Liguesite.

Liguesite

O blog Liguesite oferece conteúdo de marketing digital gratuito para empreendedores alcançarem resultados positivos em seus negócios com a internet. Nós queremos ajudar você e a sua empresa também!

Liguesite Matriz

ENDEREÇO

Rua Antonio Daniel Dalcuche Filho, 27
Curitiba
Paraná

 

ATENDIMENTO

(11) 4063-2828   |  (21) 4062-7834
(31) 4062-7934   |  (41) 4063-9808
(48) 4062-1878   |  (71) 4062-9878
(81) 4062-9802   |  (85) 4062-8442

sac@liguesite.com.br

© 2018 Liguesite. Todos os direitos reservados. Leia nossa Política de Privacidade.