Treinamento em vídeo: como criar seu curso de capacitação profissional

Treinamento em vídeo

Por Comunicação Liguesite. Postado em 15/09/2018. Última atualização em 15/09/2018.

Tempo estimado de leitura: 14 minutos.

O que todas as empresas querem atualmente é otimizar os seus processos para ter uma rotina mais dinâmica, prática e lucrativa.

Na hora de capacitar os profissionais, não é diferente. Todo mundo quer algo eficiente e acessível.

Por esse motivo, os cursos online são uma ótima opção para quem precisa realizar treinamentos, mas não quer perder tempo nem dinheiro para fazer o deslocamento de toda a sua equipe.

Além dos funcionários conseguirem acessar os treinamentos a qualquer hora e em qualquer lugar, eles também podem seguir o seu próprio ritmo, já que farão o treinamento individualmente, e ainda poderão rever o conteúdo quantas vezes acharem necessário, até absorverem toda a informação.

Ficou interessado nesse modelo de treinamento em vídeo? Então continue com a gente!

Neste post, vamos ensinar como criar um treinamento em vídeo que pode ser usado por quem tem uma empresa, gerencia uma equipe no seu negócio próprio ou está procurando uma nova oportunidade profissional.

CONTINUAR LENDO

1. Defina o tema de seu treinamento em vídeo

O primeiro item que deve ser definido é o assunto que você vai abordar no seu treinamento em vídeo.

Se você vai aplicá-lo no seu próprio negócio, é necessário identificar as competências que precisam ser melhoradas ou adquiridas pelos seus funcionários para criar cursos que realmente agreguem valor e ajudem a alcançar os objetivos organizacionais.

Se a ideia é ser um profissional autônomo e vender os seus cursos online para outras pessoas ou empresas, a escolha do tema pode ser mais livre.

Entretanto, você deve se basear naquilo que domina, para conseguir fazer um treinamento completo e transmitir confiança para os seus alunos.

Pense nos temas que você tem muito conhecimento ou experiência e que seria prazeroso abordar nos seus vídeos. Assim, você une o útil ao agradável e consegue trabalhar fazendo algo que sabe, gosta e acredita.

Em todos os casos, é fundamental ficar atento ao que o público que você pretende atingir está precisando.

Observe as suas necessidades, o perfil dessas pessoas, o tipo de linguagem que funciona melhor e a área na qual elas atuam. Assim, você vai conseguir elaborar aulas atrativas, que solucionam problemas reais e ajudam no desenvolvimento pessoal e/ou profissional de quem fizer seu treinamento.

2. Escreva seu roteiro

Um treinamento em vídeo precisa ser muito bem estruturado para abordar todo o conhecimento necessário e transmiti-lo de maneira sequencial e coerente.

Se você esquecer alguma informação importante ou falar sobre temas fora de ordem, o curso pode ficar incompleto ou difícil de acompanhar. Por isso é tão importante criar um roteiro antes de gravar.

Você não precisa, e nem deve, ficar preso a ele, pois os vídeos precisam ser fluidos e interativos. Mas ter essas anotações em mãos na hora das gravações pode ser a garantia de um bom resultado final.

O roteiro vai te ajudar a lembrar de tudo o que precisa ser falado, além de manter uma certa sequência nas aulas.

Você pode fazer algo simples, anotando apenas os tópicos principais e os dados mais difíceis de serem memorizados, como estatísticas, citações e outras referências.

Se estiver inseguro, pode fazer algo mais completo, com tudo o que você pretende falar nas aulas, inclusive os momentos de interagir com o público. Você só deve tomar cuidado para não falar de maneira robotizada, porque isso pode deixar o treinamento lento e entediante.

3. Escolha os materiais para gravar

Agora que você já sabe que tipo de conteúdo vai abordar no seu treinamento em vídeo, chegou a hora de escolher os instrumentos de gravação.

É fundamental que a imagem e o áudio tenham alta qualidade, pois você precisa transmitir profissionalismo para quem está assistindo e fazer com que eles tenham uma boa experiência do início ao fim.

Para isso, você vai precisar basicamente de uma boa câmera, um microfone e um ambiente adequado.

Vamos falar especificamente de cada um desses itens para você conseguir escolher bem.

Câmera

treinamento em vídeo - câmera

Se você não tiver condições de investir financeiramente em câmeras para gravar avançadas e cheios de recursos, não tem problema.

Para começar a trabalhar com treinamentos online, não é obrigatório gastar muito dinheiro em equipamentos.

A maioria dos celulares mais modernos consegue gravar vídeos com imagem em alta resolução e pode ser a opção ideal para o seu treinamento.

Muitas vezes, o que mais importa para passar uma imagem profissional é o ambiente, o som e a iluminação. Então, você pode iniciar com a câmera que tem em casa e adquirir uma mais avançada quando começar a vender o seu produto e ganhar dinheiro com ele.

Microfone

treinamento em vídeo - microfone

O microfone também pode ser o do próprio celular ou o da câmera que você escolheu, mas o mais indicado é adquirir um dispositivo específico para os vídeos.

O áudio gravado pelos microfones acoplados em celulares e máquinas normalmente capta os ruídos externos, o que pode prejudicar bastante a sua gravação e dificultar a compreensão do que está sendo dito.

A boa notícia é que existem vários modelos de microfone para vídeos no mercado com funções, valores e características específicas. Você pode escolher aquele que melhor se adapta ao seu bolso e objetivo.

Ambiente

treinamento em vídeo - ambiente

No que diz respeito ao ambiente, fique atento para gravar em um local silencioso e com boa iluminação.

O ideal é que o seu vídeo tenha o mínimo de interferência possível, para que você não precise gastar muito tempo depois com edição.

O cenário não precisa ter muitos detalhes, pois o importante é o conteúdo que você vai compartilhar. No entanto, é importante escolher um lugar onde a luz não faça muitas sombras no seu rosto e que não tenha distrações que podem tirar o foco daquilo que você está ensinando.

Escolher um lugar sem muitos barulhos externos também é fundamental, pois nem sempre é possível excluir todos os ruídos na hora de editar.

Se você vai gravar em casa, escolha o cômodo mais afastado da rua e avise a família para não interromper nem fazer sons muitos altos.

Se o objetivo é gravar em um ambiente externo, pode ser necessário ter que investir um pouco mais em microfones para garantir um áudio nítido e facilmente compreensível.

4. Edite seus vídeos

treinamento em vídeo - edição de videos

Por mais que você tenha gravado todo o conteúdo de uma só vez, em um ambiente calmo e com o mínimo de interferências, é sempre bom tirar um tempinho para editar o seu vídeo.

Esse momento é importante para adicionar efeitos, trilhas, letterings ou qualquer outro recurso que você desejar.

Não é interessante exagerar, mas alguns detalhes podem deixar os vídeos mais leves, interativos e gostosos de assistir.

Principalmente em vídeos que têm mais de uma pessoa ou que foram gravados em ambientes diferentes, também pode ser necessário nivelar o áudio, para que a pessoa que está assistindo não tenha que aumentar e abaixar o volume enquanto vê o seu treinamento.

Durante a edição, você também consegue cortar as falas que não saíram como você queria, diminuir as pausas entre dois assuntos diferentes e alterar a ordem das cenas, se necessário.

Para fazer isso, existem vários programas de edição de vídeos disponíveis na internet. Alguns são pagos e oferecem recursos mais avançados, o que pode ser necessário para quem precisa editar muitas coisas nos vídeos.

Mas existem também softwares gratuitos que, mesmo sendo mais simples, já contam com as ferramentas necessárias para ajustar o seu material e deixá-lo pronto para vender.

5. Hospede seu treinamento em uma plataforma online

Para garantir que um treinamento em vídeo vai chegar até o público com qualidade, rapidez e segurança, existem as plataformas online. Elas funcionam como uma ponte entre professores e alunos e precisam ser escolhidas com muito cuidado.

Muitas pessoas não sabem ou não se lembram disso quando começam a criar os cursos online e acabam ficando perdidas no final, quando chega a hora de compartilhar o material.

Por isso, tenha em mente que, logo após finalizar a gravação e edição do seu treinamento em vídeo, você vai precisar escolher uma plataforma para hospedar o seu curso.

Essas ferramentas contam com vários recursos que servem para facilitar o acesso do espectador e tornar o curso mais dinâmico e atrativo.

Há opções que possibilitam que você compartilhe conteúdos em diversos formatos, elabore quiz, crie fóruns de discussão ou avaliações para os módulos do treinamento.

Todas essas ferramentas são maneiras de enriquecer o curso e aumentar o engajamento de quem está assistindo.

Para quem decidiu fazer treinamentos para vender, principalmente, escolher uma boa plataforma é essencial para transmitir segurança para os alunos, oferecer uma experiência positiva e, assim, garantir mais vendas.

No caso de treinamentos para a sua equipe, escolher uma boa plataforma pode ser a garantia de adesão e interesse de mais funcionários. Afinal, quanto mais vantagens você oferecer, maiores serão as chances de agradar o funcionário e chamar sua atenção.

Dica bônus: Participe de um programa de afiliados

Se você chegou até aqui e decidiu criar o seu próprio treinamento em vídeo para vender para outras pessoas, essa é uma dica que pode te ajudar a aumentar o alcance do seu produto.

Os programas de afiliados servem para unir produtores de conteúdo às pessoas preparadas e dispostas a vender produtos digitais de terceiros em troca de uma comissão.

Assim, o produtor consegue atingir um público maior e não precisa se esforçar tanto para vender o que produziu, já que outras pessoas estarão fazendo esse trabalho também.

Hoje, muitos produtores estão usando os programas de afiliados e alavancando as suas vendas. Por isso é importante conhecer bem esse recurso e saber como usá-lo a seu favor.

Se você ainda não sabe como funcionam, mas gostaria de entender mais sobre o assunto, confira nosso post completo sobre os programas de afiliados.

Guest post produzido pela equipe da Hotmart, a plataforma EAD especializada em produtos digitais, líder em seu segmento na América Latina.

Se você precisar de ajuda para implementar uma estrutura de marketing digital, ou simplesmente se desejar fazer o seu negócio crescer, fique à vontade para falar conosco.

A missão das Franquias de Sucesso é juntos conectar pessoas ao seu negócio por meio da internet!

Seja estratégico, conecte-se.

Liguesite

O blog Liguesite oferece conteúdo de marketing digital gratuito para empreendedores alcançarem resultados positivos em seus negócios com a internet. Nós queremos ajudar você e a sua empresa também!

Liguesite Matriz

ENDEREÇO

Rua Antonio Daniel Dalcuche Filho, 27
Curitiba
Paraná

 

ATENDIMENTO

(11) 4063-2828   |  (21) 4062-7834
(31) 4062-7934   |  (41) 4063-9808
(48) 4062-1878   |  (71) 4062-9878
(81) 4062-9802   |  (85) 4062-8442

[email protected]

© 2018 Liguesite. Todos os direitos reservados. Leia nossa Política de Privacidade.